Flu adquire terreno para construir estádio para 42 mil torcedores na Barra

Fluminense anunciou que já tem terreno para construir estádio proprio

O presidente do Fluminense, Peter Siemsen, revelou na noite desta terça-feira, durante a oficialização da candidatura de Pedro Abad à presidência do clube, que o Tricolor assinou um memorando de entendimento para a aquisição de um terreno na Barra da Tijuca, onde será construído o estádio próprio com capacidade para 42 mil torcedores.

O terreno é no mesmo bairro onde o Fluminense está em fase final de construção do centro de treinamento. O anúncio gerou grande festa nas Laranjeiras,que recebia o evento de Pedro Abad, candidato da situação nas próximas eleições, em novembro.

O terreno foi conseguido em uma parceria com a Prefeitura do Rio de Janeiro. Agora, o clube terá que apresentar o projeto e buscar parcerias para iniciar a construção, o que ficará a cargo do presidente que for eleito, se assim ele desejar.

“Depois de muito não, conseguimos. Será um terreno de 60 mil metros quadrados. Hoje assinamos o contrato e o Abad esteve junto comigo. Precisou de muita criatividade pois é um valor alto a ser investido. Queremos dar vida ao local. O estádio será próximo ao centro de treinamento”, disse Peter durante a apresentação.

“O primeiro passo foi dado. Não adianta ficar eufórico e pensar que agora temos um estádio. Temos de trabalhar muito para chegar lá. Para quem trabalhou muito para ter o CT, com o nível e com a localização, acho que dá para confiar. O memorando significa o seguinte: o Fluminense tem uma obrigação, que precisa da parceria da prefeitura. Trabalhando junto, se muda a regra construtiva da localização e se constrói. Temos um contrato que nos dá tempo para isso, são 18 meses renováveis. A nossa ideia é começar o trabalho amanhã, ou assim que acabar a eleição municipal. Terminado isso, começa no dia seguinte para ter as mudanças necessárias”, finalizou o mandatário tricolor.