FUTURO BRILHANTE: COMO CORINGA VAI SALVAR A DC